Notícias

Flor da Serra do Sul, PR °min °max

Sulflorenses participam de curso de Fruticultura

=”javascript:popup(‘/pop-up/noticias.asp?id=543&img=01’);”>Nos dias 16 e 17 o Senar (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) realizou no município de Flor da Serra do Sul um curso de fruticultura. O encontro realizado a pedido da Secretaria de Agricultura aconteceu na linha Tatetos, interior do município.



 Durante o dia 16 e parte do dia 17 o encontro foi realizado no pavilhão da comunidade. Na ocasião os participantes puderam aprender e conhecer melhor a fruticultura de clima temperado, como a uva, pêssego, nactarina, ameixa, morango, pera, maçã, caqui, kiwi e figo. Além de obter alguns conhecimentos sobre a fruticultura de clima tropical, como a laranja, morgota, pocã, e outras frutas cítricas.



Na parte da tarde do dia 17 os participantes tiveram uma aula prática voltada principalmente para a vitivinicultura, na propriedade do sulflorense Antonio Aguiar, que possui um parreiral com pouco mais de dois mil pés de uva. Para participantes sem experiência o curso trouxe noções básicas sobre cuidados com o parreiral, como fazer o enxerto, como combater doenças e outros cuidados necessários.



Já para cultivadores com mais experiência, como foi o caso de seu Osmar Berlanda da linha Tilongo e seu Elmar Hoffmann da linha Bandeirantes, o curso serviu como uma troca de ideias, experiências e aprendizagens. “A gente nunca apreende que chega. Sempre tem inovações no ramo da uva” comenta Osmar. Segundo eles a variedade de uva mais cultivada na região é a bordo, para a produção de vinho.



De acordo com Elmar cultivar uva é um serviço sossegado que ocupa pouco tempo. “Dá até pra dizer que plantar uva é um serviço pra vadio. Dos 365 dias do ano você não trabalha 30 dias no parreiral” brinca Elmar frisando que o trabalho no seu parreiral é feito por ele e por sua esposa.



A vitivinicultura é uma atividade rentável. De acordo com cálculos realizados com os participantes do curso, em um hectare de terra com um parreiral bem manejado é possível colher até 15 mil toneladas de uva. Se o produtor conseguir vender a R$ 1 o quilo, ele consegue arrecadar R$ 15 mil. O custo com a produção da uva gira entre 15 e 18% do valor arrecadado. Enquanto em um hectare de milho o agricultor consegue tirar liquido aproximadamente R$ 400.
O Secretário de Agricultura, Nelson Kunsler, está satisfeito com as orientações técnicas prestadas pela equipe do Senar. “Volta e meia disponibilizamos estes cursos aos sulflorenses. Sempre que eles demonstrarem interesse nós vamos atrás de parceiros que venham até o nosso município para auxiliá-los” conclui Kunsler.


 






=”javascript:popup(‘/pop-up/noticias.asp?id=543&img=01’);”>