Notícias

Flor da Serra do Sul, PR °min °max

O sarampo voltou, vacine-se

O objetivo da campanha é interromper a circulação do vírus. Vacinação iniciou dia 10 e  vai até 13 de março

Em Flor da Serra do Sul, a primeira etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra o sarampo começou segunda-feira (10) e vai até o dia 13 de março. O objetivo é interromper a circulação do vírus e garantir a distribuição de vacinas no Estado do Paraná.

Sarampo é uma doença altamente contagiosa causada pelo vírus do sarampo (Measles morbillivirus). A transmissão do vírus ocorre de pessoa à pessoa por via aérea, ao tossir, espirrar, falar ou respirar. Além disso, o sarampo é tão contagioso que uma pessoa infectada pode transmitir para 90% das pessoas próximas que não estejam imunes.

Segundo a enfermeira Drieli Pazinato do Nascimento, a faixa etária para a vacinação é de 5 a 59 anos, tendo dose extra será feito uma vacina de reforço na faixa etária de 20 a 29 anos. “As pessoas até 29 anos precisam ter duas doses da vacina contra o sarampo. Entre os 30 e 59 anos pelo menos uma dose” explica Drieli.

A enfermeira salienta que no município, a campanha terá dois dias D. O primeiro dia D, já foi realizado no sábado dia 15 de fevereiro, o outro será realizado no dia 7 de março, tendo o objetivo de atingir 95% da população.

“Embora no nosso município não identificamos nenhum caso de sarampo, no Paraná temos mais de 800 casos até o momento. Ressaltamos, que é uma doença altamente contagiosa, sendo de suma importância fazer a prevenção. Principalmente para as pessoas que vão viajar e não estão com as vacinas em dia, venham até o posto e realizem a vacinação” comenta Drieli.

Para realizar a vacinação o munícipe deve ir até a unidade de saúde, levando os seguintes documentos: cartão do SUS, documentos de identificação, além da carteirinha de vacinação.

“Pedimos que todos os munícipes venham até a unidade, para atualizar a carteirinha de vacinação. Se tiverem dúvida se foram ou não vacinados vamos fazer outra vacina. O importante é a pessoa estar imunizada. Além disso, como no Estado já temos notificações da febre amarela, vamos atualizar todo o cartão vacinal, para ver se não falta alguma vacina” finaliza Drieli.

Sarampo em Santa Catarina

No Estado de Santa Catarina o Dia D de Vacinação contra o sarampo foi sábado. Para as pessoas que ainda não conseguiram vacinar-se, deverão comparecer na unidade de saúde mais próxima. A ação é voltada para aqueles que não tenham tomado as doses contra a doença ou que não estejam com o esquema vacinal completo.

No Estado, precisa-se vacinar as pessoas de seis meses a 29 anos, sendo preciso ter tomado duas doses da vacina ao longo da vida. De 30 a 49 anos, apenas uma dose. Entre em 2019 e 8 de fevereiro deste ano, já foram confirmados 148 casos em Santa Catarina na faixa etária entre 20 e 29 anos.