Notícias

Flor da Serra do Sul, PR °min °max

Flor da Serra do Sul inicia capacitação dos agentes de leitura

=”javascript:popup(‘/pop-up/noticias.asp?id=781&img=01’);”>O Departamento de Cultura do município de Flor da Serra do Sul iniciou sexta-feira passada o treinamento dos 31 sulflorenses que trabalharão como agentes de leitura na cidade e interior. Serão 40 horas de capacitação, os sulflorenses foram divididos em duas turmas, uma matutina e outra noturna que devem se encontrar periodicamente até o final do mês de abril.



Estão sendo capacitados 31 agentes, serão contratados 25 melhores colocados, e destes 4 serão agentes articuladores que terão a responsabilidade de organizar e monitorar o trabalho dos demais.



O objetivo destes agentes de leitura é levar conhecimento através de centenas de livros de literatura, ciências, história, geografia, português, matemática e conhecimentos gerais. De acordo com a equipe do departamento de Cultura já foram adquiridos 1.200 livros, nos próximos meses mais títulos devem ser adquiridos.



Este projeto de Agentes de Leitura foi criado pelo Governo Federal com o objetivo de levar leitura para dentro das residências dos brasileiras, inicialmente para famílias beneficiadas pelo programa Bolsa Família. Apenas três municípios do Paraná foram contemplados, Antonina, Londrina e Flor da Serra do Sul. Flor da Serra é o único município que de fato implantou este programa.



Periodicamente os agentes de leitura irão prestar contas do trabalho, através de um portal do Governo Federal irão cadastrar a famílias beneficiadas e que tipo de leitura estão desenvolvendo com elas. Lembrando que cada agente tem a obrigação de visitar estas famílias pelo menos três vezes por mês em encontros de no mínimo 25 minutos.


O que os agentes de leitura ganham.
Os agentes de leitura ganham uma bolsa financeira de R$ 350,00 através de convênio firmado com o Governo Federal e o Município. Os agentes da cidade terão como transporte uma bicicleta, já os agentes dos perímetros interioranos irão ganhar R$ 50,00 de ajuda de custo para transporte. Todos estarão equipados com bonés, camisetas e mochila cheia de livros. Terão jornada de trabalho de 25 horas semanais, a meta é que cada agente visite 25 famílias por semana, estes critérios fazem parte de um calendário estipulado pelo Governo Federal.






=”javascript:popup(‘/pop-up/noticias.asp?id=781&img=01’);”>